GandaM@lhos BTT

A glória não está em não cair…, mas sim em levantar-se sempre…

Vieira do Minho – Um tratado de BTT!

Deixe um comentário

Decorreu no passado dia 10 de Junho, em Vieira do Minho, a 3.ª edição do Passeio BTT o Homem e a Serra.
A decisão de ali participar ficou logo tomada após ter em Fevereiro participado, no Passeio Feira do Fumeiro, onde pude constatar um elevado nível de organização e um conjunto de trilhos de se lhe tirar o chapéu.
Desta vez, a organização esteve repartida, pela Pedalar Vieira, pelo BTT Brancelhe, e pelo CAVA, e o resultado foi um verdadeiro tratado de como se pode organizar bem, e oferecer um percurso de BTT, que ainda tenho dificuldade em classificar, tal a sua espectacularidade.
Adepto confesso de trilhos de verdadeira montanha, muito disponíveis ali naquela zona, perto do Gerês, pude experimentar em pleno todas as variantes de terreno que a alta montanha oferece.
A filosofia do passeio centrava-se em duas longas subidas de +/- 500 m de desnível, cada, ora por singles bem técnicos, ora por caminho florestal, que nos mostravam uma paisagem arrebatadora, e que levavam até perto da metade do percurso, aos 23 km. (Observar garranos, (cavalos 1/2 selvagens), na sua natural tranquilidade, no seu habitat,  e “ouvir” o silêncio da montanha, que nem o arfar do(s) atleta(s) em esforço, se dignava perturbar, É uma experiência única, que apenas aquelas paragens proporcionam…)

mapa de altimetria

As condições de chuva da véspera, davam ao terreno um “tempero” muito especial… e, 2 M@lhos ligeiros,  felizmente, conseguiram refrear o meu entusiasmo inicial…
Após,  alcançados os 1150 m de altitude, e repostas as energias gastas, no abastecimento, a filosofia passava por descer até ao ponto de partida…os 20 km que restavam!
Se a 1.ª parte foi muito exigente em termos físicos, pois havia que trepar  duas “paredes…” de respeito, a 2.ª não o era menos, pois a necessidade de concentração e perícia necessária para me conseguir manter em cima da bike, eram tais que foi uma verdadeira epopeia terminar o passeio.
E esta descida de 20 km… com sectores muito rápidos, com pedra, que me fazem sonhar com uma bicicleta de suspensão total…ST’s técnicos, e bem desafiantes, slalom entre árvores, drops, saltos, enfim, parecia um XCO gigantesco! Impressionante!

O “início” da loucura…!

Cheguei a Vieira completamente exausto, com os “cromados” da KTM esmurrados, com mais umas nódoas negras, e com o joelho meio empenado, mas com um grande sorriso de orelha a orelha… Só eu sei porque não fico em casa…!

O limite… do equilíbrio! (se estivesse seco…ui!!!)

Exemplos bem reveladores do que está dito, são os os filmes abaixo:
Vejam e divirtam-se!
Um realizado pelo Faki dos  RoLa EsToNa_Te, a filmar cada vez melhor!

E este dos Rockets Riders, com os quais acho que já me cruzei numa Grande Odisseia 12o de 2011…

Muitos fotógrafos ao longo do percurso, que captaram momentos espectaculares e que vão partilhando com os participantes, para perpetuar a recordação dos bons momentos ali passados.
Parabéns aos organizadores! Um passeio absolutamente imperdível! De nível Mundial!

As fotos possíveis no ; mas melhores, ficam:

  • AQUI;
  • AQUI;
  • e quando houver mais… AQUI ficarão!

O meu registo sem dados cardio…

O percurso no .

e FUI!, aguardando com ansiedade o regresso a Vieira do Minho…

e, estarei ausente durante uma longa temporada…de pedaladas… (motivos pessoais…)

Advertisements

Autor: ZeNiGhT

Equipe BTT

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s